Código: 110115

Guaraná 500mg | Recomendado na Astenia (Perda da Força Física), Acelera Metabolismo e mais.

de R$ 58,50

por R$ 47,00

3x sem juros ou 9x de R$ 6,03 pelo PagSeguro
Produto esgotado

                  ECONOMIZE   20 %                 
 SE PREFERIR, CLIQUE AQUI  E PEÇA PELO WHATSAPP.

Conheça os Benefícios:

 Aumenta o metabolismo.
 Recomendado na astenia (Perda ou diminuição da força física).
 Favorece a atividade intelectual.
 Diminui a fadiga mental.
 Estimula o sistema nervoso.
 Possui ação diurética.

Composição:
Guaraná 500 mg.
Excipiente qsp 1 cápsula.

Modo de Usar: 
Tomar 1 cápsula após o café da manhã e almoço, ou conforme orientação do profissional habilitado.

Validade:
4 meses.


_______________________________________
Leia mais e conheça sobre os ativos e advertências: 

Guaraná: O Brasil é praticamente o único produtor de guaraná do mundo, sendo que a maior parte é proveniente do Estado da Bahia, seguido por Amazonas e Mato Grosso. O guaraná é comercializado em ramas (sementes torradas), seja para a exportação ou agro industrialização. A partir das ramas podem ser obtidos o xarope (consumido diretamente como bebida energética ou usado para a produção industrial de refrigerantes gaseificados), o bastão (usado para ralar e obter o pó) ou o pó, que pode ser acondicionado em frascos, cápsulas gelatinosas ou saches.

É indicado como estimulante do Sistema Nervoso Central além de diminuir a fadiga. Das três xantinas mencionadas (cafeína, teobromina e teofilina) a cafeína é a que possui uma ação estimulante mais potente, além disso, ela relaxa a musculatura dos vasos sanguíneos periféricos e contrai a musculatura dos vasos cerebrais; é um diurético de curta duração e aumenta a secreção gástrica. O uso do guaraná mantém o nível do glicogênio hepático e inibe a formação da enzima MAO que acarreta a depressão. Portanto, o guaraná pode também ser recomendado na asteniadepressão nervosafavorece a atividade intelectual, dispepsias, flatulências, fermentações anormais e diarreia, prevenção da arteriosclerose, tromboembolismo e cefaleias.

Referências: Literatura do fornecedor (Florien). 

Os resultados são comprovados pelo fornecedor do ativo, através de estudos, não garantimos os resultados descritos, pois pode variar de organismos para organismos e de diversos fatores que influenciam no tratamento, como atividade física, uso correto do ativo conforme posologia apresentada.

Advertências:

*Recomenda-se não associar a outras drogas com xantinas (Café e Erva Mate, por exemplo), pois o efeito estimulante pode ser potencializado, e deve ser tomado de forma descontínua. 
*É contraindicado em estados de ansiedade, hipertireoidismo, hipertensão arterial, arritmias, taquicardia, úlcera péptica ativa, gastrite e síndrome do cólon irritável.

1. Nunca compre medicamento sem orientação de um profissional habilitado.

2. Imagens meramente ilustrativas.

3. Pessoas com hipersensibilidade à substância não devem ingerir o produto.

4. Em caso de hipersensibilidade ao produto, recomenda- se descontinuar o uso e consultar o médico.

5. Não use o medicamento com o prazo de validade vencido.

6. Manter em temperatura ambiente (15 a 30ºC). Proteger da luz, do calor e da umidade. Nestas condições, o medicamento se manterá próprio para o consumo, respeitando o prazo de validade indicado na embalagem.

7. Todo medicamento deve ser mantido fora do alcance das crianças e animais domésticos.

8. Este medicamento não deve ser utilizado por mulheres grávidas sem orientação médica.

9. Embora não existam contra- indicações relativas a faixas etárias, recomendamos a utilização do produto para pacientes de idade adulta.

10. Siga corretamente o modo de usar. Não desaparecendo os sintomas, procure orientação médica.

11. O uso do medicamento durante o período de amamentação também não é recomendado.

12. Este medicamento não deve ser utilizado por menores de 18 anos sem orientação médica.

13. A eficácia e resultado do tratamento esta diretamente ligado ao uso correto da posologia e dose recomendada pelo médico ou profissional habilitado, deve-se levar em consideração as diferenças de cada indivíduo como velocidade do metabolismo, doenças crônicas e genética, não podendo ser considerado um produto que tenha efeitos iguais em todos os indivíduos.

14. “SE PERSISTIREM OS SINTOMAS, O MÉDICO DEVERÁ SER CONSULTADO”.

Venda sob prescrição de profissional habilitado, podendo este ser o nosso farmacêutico de acordo com a Resolução 585/2013 do Conselho de Farmácia.